Movimento Ecoera lança plataforma para discutir sobre a crise hídrica na moda

Movimento Ecoera lança plataforma para discutir sobre a crise hídrica na moda

A semana do Meio Ambiente está chegando ao final e é importante falar como a cadeia da moda é uma das indústrias que mais explora recursos e polui nosso planeta. Por isso, o movimento @portalecoera lançou a plataforma Moda Pela Água, uma iniciativa que visa reunir empresas, consumidores, ongs e o governo, para conversar, compartilhar propostas e encontrar soluções para a crise hídrica que vivemos hoje.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
A plataforma que já conta com 9 empresas cadastradas, entre elas a @adorofarm@soudealgodao@vicunhatextil e @voudemarisa, desenvolveu por meio de pesquisas e de um longo trabalho ao lado de empresas especializadas, uma forma de medir o consumo médio de água na produção de uma calça jeans no Brasil. Até então os valores eram baseados no modelo Levi’s que não levava em consideração a nossa bacia hídrica.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
A Vicunha foi a primeira a abrir sua cadeia para calcular sua pegada. O resultado? Para fazer uma calça jeans são gastos 5.196 litros de água, levando em consideração desde o plantio dos insumos até a chegada nas lojas. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Para a @soudealgodao, a sustentabilidade já faz diferença dentro de cada fazenda de Algodão, eles vem ressignificando a pluma do Brasil – conhecida mundialmente como sustentável – e divulgando o selo, para esclarecer e enfatizar as vantagens do uso da matéria-prima.

No perfil da plataforma @amodapelaagua é possível saber mais informações sobre o projeto e sobre como se tornar um Guardião.